Homofobia : HomoXFobia


Bandeira dos homossexuais

Homofobia é o termo utilizado para nomear qualquer tipo de discriminação e/ou aversão aos homossexuais. No sentido mais profundo da palavra, homofobia ainda significa medo que uma pessoa pode ter de se tornar um homossexual. Dessa forma, pode-se perceber que o termo é um neologismo.

Existem várias ramificações que justificam a homofobia. Algumas pessoas encaram a homofobia como uma manifestação semelhante ao racismo onde as pessoas se limitam às imposições da sociedade e não são abertas ao novo e outras já vêem a homofobia como um problema do século que contradiz os ensinamentos recebidos pela sociedade, pela família e pela religião.

Uma pessoa pode até não concordar com a homossexualidade, mas a partir do momento em que um ser humano, independente de sua cor, raça, credo ou sexo, é discriminado por ser homossexual, surge então o ato homofóbico. Atribui-se a ele a injúria, difamação, gestos e mímicas obscenas, antipatia, ironia, sarcasmo, insinuações e qualquer outra forma de criticar e banalizar o homossexual.

Em relação ao medo de se tornar homossexual muitas pessoas tentam o suicídio, tentam mudar sua orientação sexual, possuem baixa auto-estima, comportamento compulsivo, afastamento da família, busca refúgio em substâncias como álcool, desconfiança, autocrítica entre outras.

Há uma grande polêmica entre homossexualidade e religião, pois a Bíblia (livro utilizado pelo cristianismo) condena o ato homossexual e isso gera grande revolta nos homossexuais. Ainda existem outros grupos, independentes de religião, que não aceitam os homossexuais e por isso praticam crimes contra os mesmos, chegando até a tirar-lhes a vida.

Sabemos que a  homofobia é a aversão, ódio ou discriminação contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade. Para ser homofóbico não é preciso agredir um gay ou uma lésbica. A homofobia e qualquer tipo de preconceito tem suas sombras e suas sutilezas. O fulano que não dança “música de viado”, a ciclana que diz para o irmão: “um desperdício você ser gay”, o beltrano que não acredita que lésbicas sejam felizes, a pessoa que refere-se a travesti sempre como cidadãos de segunda categoria. A misoginia é a aversão, ódio ou discriminação contra mulheres. Quando é que essas duas formas de preconceito se encontram? No preconceito contra gays efeminados, lésbicas, travestis e transexuais.

Interessante é que a caricatura mais aceita dos personagens gays nos meios de comunicação é a da “bichinha super animada, cheia de gírias”. Geralmente é um personagem que gera simpatia, mas que não tem o respeito dos telespectadores, é apenas o bobo da corte. Não é o personagem principal, é apenas o alívio cômico. O mesmo acontece com travestis e transexuais. Já com as lésbicas a coisa muda de figura, elas raramente são personagens de programas populares como novelas e, quando existem, não têm seu romance e nem enredo plenamente desenvolvido. Flutuam como se só existissem para criar manchetes nas revistas de fofoca sensacionalistas. Masculinidade e feminilidade existem e se definem em sua relação e por meio dela. São as relações sociais de sexo marcadas pela dominação masculina, que determinam o que é considerado “normal” — e, no geral, interpretado como “natural” — para mulheres e homens.

ASSISTAM!!! ESTE É UM Mini Doc HOMO X FOBIA gravado em setembro/2011 em Salvador- Bahia.

Sou estudante do terceiro Semestre do Curso de Produção Audiovisual da Unijorge – Salvador – Ba , Eu e minha Equipe fizemos este Mini Doc.Assistam!

Equipe de Produção:

Rodrigo Sabartni de Melo
Ramon Pierre
Mariana Das Virgens
Elisabete Cunha

Anúncios

4 pensamentos sobre “Homofobia : HomoXFobia

  1. olha, eu acho que ser feliz cabe a cada um em particular, mas o respeito deve existir de ambas as partes, tanto do heterosexual para o com o homossexual e vice versa, .. so assim, é possivel uma convivência tolerante na sociedade…..entre ambos…. porque ninguem , tanto o homossexual, quanto o heterosexual podem discriminar um ao outro, ou exigir que ambos sejam iguais ao outro.. a aceitação gera o respeito….. devemos pensar isso….. quanto a tos extermos como a vioencia contra os gays.. acho um absurdo, porque quem somos nós para julgarmos as pessoas.. somos cheios de defeitos,, todos nós…. independtes de sermos isto ou aquilo!!!!! e eu aodro os gays..só não gosto quando levo cantada de mulher, o que estou no meu pleno direito!! bjs a todosos.. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  2. Betita..”nem doida..nem santa” como disse Adelia, apenas você !! Uma mulher incrível e sempre com sua sensibilidade e visão ! Você é mulher do futuro..e o que escreves sempre ensina…a mim !!

  3. Belo texto. Simples, direto, didatico. Sensivel & lucida visao feminina sobre o velhos & alquebrados preconceitos. São sucatas psiquicas. As fobias sao doencas. Precisam de tratamento como quaisquer outras patologias. Um beijo, querida cunhã.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s