Ave Rara do Paraíso

Coisa de Diego e Frida, de Dali e Gala, som de ave rara do paraíso, cor de profusão, de paraíso, de luz de dia de sol na Bahia, seu sal, seu riso, seu olhar, nosso jardim secreto, shhhh, silêncio ao entrar nele. Só nós temos a chave…Prá ser feliz e firme e paz e força e prazer, prá ser e não deixar de ser a mulher que você é e que voltou a ser, prá isso conte comigo pro que precisar. Sua vida e os frutos que de sua vida frutificaram são testemunhas de sua capacidade imensa, da sua pessoa bela e justa, da sua forma, com sua cor(cores), da sua imensa capacidade de amar. De mim tudo que precisar.
Essa coisa nossa escapa aos moldes e transborda vida afora em poesia imensa, em som vibrante, em cor que inunda.
Toda felicidade do universo para a minha doce e querida Betinha.
Pegue pela mão e ensine o menino dentro do homem a se soltar no paraíso e a provar do fruto sem medo.

Pita Araújo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s