Sentir-se amado – Martha Medeiros

Tumblr_lrccw8w6zs1qe5gy7o1_500_large

 O cara diz que te ama então tá. 
Ele te ama. 
Sua mulher diz que te ama então assunto encerrado 
Você sabe que é amado porque lhe disseram isso,   as três palavrinhas mágicas.                                                              
Mas saber-se amado é uma coisa, sentir-se amado é outra, uma diferença de milhas, 
um espaço enorme para a angústia instalar-se.
A demonstração de amor requer mais do que beijos, sexo e verbalização, 
apesar de não sonharmos com outra coisa:
Se o cara beija, transa e diz que me ama, tenha a santa paciência, 
vou querer que ele faça pacto de sangue também?
Sentir-se amado é ver que ela lembra de coisas que você contou dois anos atrás, 
é vê-la tentar reconciliar você com seu pai,
é ver como ela fica triste quando você está triste 
e como sorri com delicadeza quando diz que você está fazendo 
uma tempestade em copo d’ água.
“Lembra que quando eu passei por isso você disse que eu estava dramatizando?
Então, chegou sua vez de simplificar as coisas. Vem aqui, tira este sapato”.
Sentem-se amados aqueles que perdoam um ao outro 
e que não transformam a mágoa em munição na hora da discussão. 
Sente-se amado aquele que se sente aceito, que se sente bem-vindo, que se sente inteiro.
Sente-se amado aquele que tem sua solidão respeitada, aquele que sabe que não existe assunto proibido.Tudo pode ser dito e compreendido.
Sente-se amado quem se sente seguro para ser exatamente como é, sem inventar um 
personagem para a relação, pois personagem nenhum se sustenta muito tempo.
Sente-se amado quem não ofega, mas suspira;
Quem não levanta a voz, mas fala;
Quem não concorda, mas escuta.
Agora sente-se e escute: eu te amo não diz tudo.

Martha Medeiros
190360856_szapb2q4_c_large

Anúncios

7 pensamentos sobre “Sentir-se amado – Martha Medeiros

  1. A mensagem é um perfume para nossas almas e a imagem da flor, simplesmente o máximo. Bj Elisabete! abraço e tudo de bom

  2. Sentir-se amado(a) é algo indefinível em palavras.

    Mas tentando explicar o inexplicável… É algo que acontece dentro de nós e simplesmente nos proporciona um enorme bem-estar… Sensação de felicidade duradoura.

    Xêro, Bete.

    obs: Sentir-se amado é ótimo, mas perfeito mesmo é amar. Nada se compara à sensação de amar. Ato unilateral mesmo. Quantas pessoas gostam de nós e não sentimos nada por elas… “Fulana é tudo de bom.” – alguém me diz. Eu devolvo: “E daí?”, não gosto dela. Ela não me incita nada. É que no fim das contas ninguém é do jeito que a pessoa que você gosta é. rsrs 😉

    Outro xêro, lindona.

  3. oiii Bete , nada supera o sentimento de saber que se é amada e que melhor ainda quando amamos aquele que nos ama. Parabéns por este lindo sentimento, neste mundo louco. O Amor é tudo de bom e o que salva o mundo. bjs e ate breve. Estou levando a imagem das margaridas.

  4. Elisabete: espero que esteja bem,ok?
    Adorei td por aqui…estava com o seu link errado,por isso nao aparecia.
    Bjus mil!!!

  5. Elisabete : esse endereço ainda esta no meu blog…me manda o atualizado…Bjus carinhosos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s