Triste Engano…

 

6190181191_f55ccf586a_z_large 

Porque nos decepcionamos com uma pessoa, com um acontecimento, com uma situação, com a vida?

A decepção é um sentimento tão frustante, talvez seja das sensações que mais me entristece, me deixa pra baixo, me impede de continuar, me bloqueia.

Será que criamos expectativas altas demais? Ou será que as expectativas eram normais, próprias e adequadas, mas a decepção teimosamente nos bate à porta?

Será um problema de ansiedade, de querermos que tanto se realize, que tanto aconteça?

Será que somos exigentes demais, e exigimos dos outros, coisas que nem nós próprios sabemos fazer?

Será que uns são mais resistentes a decepções que outros?

Será que uns, nem percebem a decepção não lhe dando a importância que outros lhe dão?

Será que as decepções só acontecem aos emotivos? Aos frágeis? Aos corajosos? Aos exagerados? Aos idiotas?

E acordar depois de uma decepção?

Acordar para a Vida, acordar para o Dia, pôr os pés fora da cama, levantar o corpo, calçar qualquer coisa para começar a pisar o chão, a terra, olharmo-nos no espelho, olhar uns olhos decepcionados,….

Reagir…. Como se faz para Re Agir? Reagir é voltar a agir! Para voltar a agir, é preciso ter vontade de agir. E o mundo que nos rodeia, exigente, que não tolera a insatisfação, não tolera tristezas, que como uma criança mimada, quer-nos Lindos, Contentes, Sorrizinhos, Arranjados, Elegantes, Perfeitos, e todos nos pedem,

 “Vá reage, faz qualquer coisa, tem de melhorar! Lá está você com o teu péssimismo!…”.

 E para culminar, lá dizem a frase: “Não entendo, porque fica assim, não é caso para isso!”.

 E nós, envolvidos num manto de tristeza, de amargos na boca, de nós no estomâgo, de dedos das mãos frios, de joelhos ligeiramente a quebrar, ficamos perplexos a olhar para aquela gente que nos diz “Que não é nada!”.

Não é nada???! Mas não percebem, que para nós É TUDO!

Que houve uma derrocada de terras, por cima da nossa boca, que houve uma inundação de líquidos salgados, que nos deixou molhados de suores frios, que o nosso coração saltou, mexeu-se, como se de um sismo se tratasse e nos deixou com taquicárdia, que houve um corte a meio dos nossos pulmões, e os pôs a trabalhar em limites mínimos, que sentimos o sangue a parar nas veias e que fomos invadidos por um vento frio e quente, que levantou todas as areias no ar que nos sufocam e nos cegam?

Pois, não vêem isto?Faltam as lágrimas? Ah, as lágrimas, as piegas lágrimas, que comovem os outros…..

Mas olhem, os decepcionados não choram por fora, choram por dentro! Choram, choram, choram, até ficar secos, como um solo do sertão nordestino, seco, ressequido, morto….

Elisabete Cunha


Avatar de elisabetecunha

10/06/08

Tumblr_lsczo5orqw1r457p3o1_500_large 

Anúncios

7 pensamentos sobre “Triste Engano…

  1. Elisabete,

    Sei do que você fala. Sei do que sente. Sei.
    Recebe de mim um abraço, faz com ele um laço que me una a você, e que te faça, nem que seja por breves momentos, dessa decepção esquecer.

    Com amizade e carinho.
    Odele

    PS.
    Sobre eu estar te enviando o selinho de Flavia, claro!!! E lhe fico muito agradecida. Só preciso de seu e-mail. O meu é: odele.souza@gmail.com

    Beijos.

  2. Ô amiga… que susto que eu levei! Imagino você… pelo amor de Deus! Que bom que você já voltou a blogar. Se gostou do EcoBlog, apareça sempre por lá! Bjks Tetê

  3. Elizabete,
    A gente nasce, vive e morre. Eas decepções entram em nossas vidas de uma forma que nos machucam muito mas tbm nos fazem crescer, pensar e repensar.
    O grande problema aser vencido é que elas – as decepções – semprevem, na maioria das vezes, em momentos que estamos fragilizazdas.Mas nada que UM SEGURAR NAS MÃOS DE DEUS NÃO NOS AJUDE A VENCER, SUPERAR. E um dia SENTIREMOS UMA BRISA NO ROSTO. Sinal de que superamos.
    Dias felizes, SEMPRE!

  4. Oh mulher que susto me pregaste!
    Fiquei a pensar que estava no meio de um filme quando vi o mail da tua irmã.

    e o Blog? Porque apagaste?

    Beijoca.

  5. Querida!!! Sei como deve estar doendo.
    Passei por uma dolorosa decepção em 2005 que até hoje quando lembro, doí. A ferida foi cicatrizada, mas quando mexo nela, me entristece.
    Depois de um longo tempo em meio a lágrimas pude reagir e refazer a minha vida.
    Sabe qual o segredo pra conseguir isso? Deus!! Sem a força dEle e Seu amor envolvente e imutável, não teria conseguido.
    Sempre digo que o melhor lugar pra gente estar é debaixo das asas de Deus (como está na Bíblia que Ele nos protege assim como a galinha faz aos seus filhotes).
    Vai pra lá e se sentirá em paz.
    Que nosso Deus te abençoe.
    bjocas

  6. Não é fácil amiga. Chico Buarque diz: “A dor da gente não sai no jornal”. Ninguém está em nossa derme, dorme o nosso sono (quando conseguimos dormir), respira essa estranha mistura de ar que só a nós envolve. Se pudesse dizer-te algo diria a mim primeiro. Passemos apenas, com garbo ou nos arrastando, tanto faz, vai doer do mesmo modo. Se ajudar divida o fardo com aqueles que te entendem…acho que nem dá prá dividir.
    Nossa!!!!!!!Ficou deprê, né?
    Mas creio que agora é assim.
    Lá na frente bebendo champagne nos recordaremos e daremos gargalhadas.

    Beijo.

    Nelson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s